Ter - 16/10
33º 21º 19:34
Guaíra - SP

Empresária guairense é sequestrada e encontrada em rodoviária de Belo Horizonte

Policial
Guaíra, 4 de Maio de 2017 - 09h31

As últimas informações são de que Bruna Moraes foi assaltada em Barretos e levada para a capital mineira. Porém, ela ainda não se recorda do ocorrido

Bruna foi deixada na capital mineira. Até o fechamento dessa edição, não havia informações sobre o paradeiro dos criminosos

Bruna foi deixada na capital mineira. Até o fechamento dessa edição, não havia informações sobre o paradeiro dos criminosos

Após estar desaparecida por mais de vinte horas, a família da empresária Bruna Moraes obteve informações sobre seu paradeiro na manhã de ontem (03) através do telefonema de um taxista de Belo Horizonte-MG e foi ao seu encontro em Araxá-MG.

A jovem havia sumido desde terça-feira (02), depois de ter saído de Guaíra para fazer um depósito em um banco de Barretos. Os familiares estranharam que ela não voltou para a cidade para fechar o seu estabelecimento comercial, algo que nunca deixou de fazer e resolveram procurar a polícia local.

Com a ajuda de amigos e das usinas do município, por volta das 20h30, o carro da guairense foi encontrado em um canavial da Assis Chateaubriand, em direção a Miguelópolis. Sua blusa estava no chão e o banco do carro estava muito espaçado, como se alguém de estatura alta tivesse ocupado a direção. Pelas câmeras do radar da rodovia de Barretos, a família soube que às 10h15 ela havia passado, e logo às 11h15 retornou ao município guairense novamente.

Durante toda a madrugada, a procura por Bruna foi intensa. Porém, sem sucesso ou qualquer ligação de indivíduos pedindo resgate.

Ontem, por volta das 08h30, um taxista ligou para o celular do pai da empresária, dizendo que ela estava na rodoviária da capital mineira desesperada e chorando muito. Os familiares mantiveram contato com o motorista que ficou encarregado de levá-la até Araxá-MG para encontrar o esposo de Bruna.

De acordo com um tio de Bruna, ao telefone, a vítima contou estava muito abalada, mas não sabia como havia parado em Belo Horizonte, apenas que teria sido assaltada e não se recordava de nada.

O delegado Dr. Rafael Faria procurou as autoridades mineiras para obter informações ou qualquer pista sobre o ocorrido e o caso segue sob investigação das autoridades.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Policial
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos