Sex - 22/06
27º 15º 04:30
Guaíra - SP

Enoch e Zezinho colocam Guaíra em destaque durante competições nacionais

Cidade
Guaíra, 1 de dezembro de 2017 - 09h42

Alunos do Enoch Garcia Leal conquistaram sete medalhas na 20ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e os estudantes do Zezinho Portugal tiveram quatro vitórias pela 13ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas

Os jovens das escolas estaduais do município estão elevando o nome de Guaíra no patamar educacional do país. O Enoch Garcia Leal participou da 20ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e alcançou o primeiro lugar no quadro de medalhas entre as instituições de ensino da região.

Já o Zezinho Portugal concorreu pela 13ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) e conquistou quatro medalhas que, somadas às diversas Menções Honrosas, colocaram os premiados entre os melhores estudantes do Brasil em uma área do conhecimento considerada por muitos como uma das mais complexas.

Os diretores das unidades parabenizaram os vencedores. “Como diretora, me sinto muito honrada e enaltecida pelo desempenho dos nosso alunos. Parabenizo-os por toda essa garra, vontade e determinação que tiveram ao fazer essa prova da OBA. Eles nos abrilhantam e nos honram”, ressalta Conceição Aparecida Tosta Moura, a Cessa, do Enoch.

“É com incalculável orgulho que a Equipe Zezinho Portugal divide com toda a comunidade a alegria de ter, como alunos, jovens tão dedicados e compromissados com a escola, com os estudos e com o futuro. Jovens que, apoiados por seus responsáveis, unidos a outros alunos de igual dedicação e orientados por um corpo docente engajado e comprometido, conseguem provar que é possível ter uma escola pública de qualidade e ainda alcançar os lugares mais altos do pódio”, afirma o diretor do Zezinho, Marco Antonio Cavenaghe.

ENOCH

Enoch – Alan Ap. F. de Oliveira, medalha de bronze

 

Enoch – Lara Cristina Cassiano (9ºE), prata

 

Enoch – Tainara Cipriano de Brito (9ºB) medalha de prata

 

Enoch – Vinicius Miranda Dias (8ºB)

 

Enoch – Vitor Hugo de Paula Antonio (8ºA), prata

 

Enoch – Vitoria Aparecida dos Santos, medalha de prata

 

Guilherme Piantamar (8ºA), bronze

A escola Enoch conquistou 7 medalhas na OBA que teve como foco incentivar o estudo da Ciência usando a astronomia e astronáutica, sendo 5 de prata e 2 de bronze. Os guairenses concorreram com alunos de instituições de ensino particulares e públicas de todo o Brasil, na competição organizada pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB).

A prova aconteceu em fase única, realizada nas próprias unidades de ensino, e foi dividida por ciclo de ensino. Além das medalhas, escolas, professores e alunos participantes receberam certificados.

“A professora Maria Elisa Beraldo é a responsável pela OBA na E.E. Enoch Garcia Leal, grande entusiasta dessa Olímpiada junto aos alunos. Parabenizo-a por ser essa pessoa tão competente, que motiva esses alunos a sempre estarem atrás do conhecimento desse tipo de aprendizado. Os nossos parabéns de toda a equipe da escola”, destaca Cessa, lembrando também da homenagem que a prefeitura fez na tarde de ontem (30). “Agradecemos ainda o apoio do prefeito e vice com esse gesto de reconhecimento”, completa.

Vendedores: Vitoria Aparecida dos Santos (9ºE), medalha de prata; Tainara Cipriano de Brito (9ºB) medalha de prata; Alan Aparecido Ferreira de Oliveira (9ºA), bronze; Vinicius Miranda Dias (8ºB), prata; Guilherme Piantamar (8ºA), bronze; Lara Cristina Cassiano (9ºE), prata; e Vitor Hugo de Paula Antonio (8ºA), prata.

 

ZEZINHO

Os estudantes do Zezinho Portugal, pelo segundo ano consecutivo, multiplicaram medalhas e menções honrosas na OBMEP, uma das olimpíadas mais disputadas do país, organizada pelo IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada).

Foram uma de prata e três de bronze em 2017 – somadas a uma de ouro, uma de prata e uma de bronze no ano passado.

Nessa 13ª edição, participaram 53.231 escolas, de 99,6% dos municípios brasileiros. Dos 18,2 milhões de estudantes inscritos, 941 mil foram classificados para a segunda fase da competição – 903 mil de escolas públicas e 38 mil de particulares.

“Estes garotos e garotas sabem muito bem como alcançar resultados positivos! Podemos dizer que é uma das competições mais difíceis para se alcançar uma menção honrosa, principalmente uma medalha. Nossos agradecimentos à equipe de Matemática, com destaque ao professor Florisvaldo da Cruz Junior, coordenador do Projeto OBMEP na Escola e à Professora Andréa Meire Scofoni Pita, professora premiada na OBMEP 2017”, celebra o diretor Marco.

Alunos Medalhistas 2017: Geasi Magalhães de Castro – medalha de prata; Luís Eduardo Pereira Rezende – bronze; Melmoara Barbosa Romeiro – bronze; Gustavo Samesima Imori – bronze.

Alunos premiados com Menções Honrosas 2017: Maria Fernanda C. dos Santos, Brenda Ayumi T. de Sousa, Emanuela Stefani da S. Ortega, Rebeca Medeiros da Silva, Pablo Inácio de Oliveira, Ana Paula Portugal Inácio, Bianca de Oliveira S. Silvério, Eliezer Magalhães Castro, Júlia Lino Sousa e Talita Barbosa Bianchi.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos