Sáb - 21/04
28º 16º 20:18
Guaíra - SP

Governo amplia linha de crédito para micros e pequenas empresas

Geral
Guaíra, 21 de Maio de 2017 - 09h32

Mudança no Crédito Digital vai reduzir a taxa de juros, aumentar o prazo para pagamento e dar ainda mais rapidez na aprovação do crédito

O Governo de São Paulo, por meio da Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista, vai ampliar e facilitar ainda mais o acesso ao Crédito Digital. O sistema, pioneiro no País, utiliza a certificação digital E-CNPJ para autenticar eletronicamente a operação e integrar a consulta em diversos bancos de dados. A partir desta semana, a modalidade de crédito vai passar a operar a linha BNDES Progeren, de capital de giro, com a mudança haverá redução na taxa de juros, aumento no prazo para pagamento e no limite de financiamento, e mais agilidade na aprovação.

As novas condições de financiamento serão ainda mais atrativas para as empresas de pequeno porte. A taxa de juros passa a ser de 1,18% ao mês, uma redução anual de mais de dois pontos percentuais. O prazo de pagamento será estendido de 24 para 36 meses, com carência aumentada para três meses, antes era de um mês. E o limite para o financiamento aumentou de até R$ 75 mil para R$ 200 mil.

Com o início da operação da linha BNDES Progeren pelo Crédito Digital, a Desenvolve SP será a única agência de desenvolvimento do Brasil a oferecer a linha do BNDES de forma rápida e digital. A aprovação sai em apenas 48 horas a partir do envio do pedido de financiamento pelo site da instituição e se a documentação da empresa estiver em ordem e o cadastro preenchido com exatidão.

CRÉDITO DIGITAL

A iniciativa pioneira da Desenvolve SP tem como objetivo apoiar as empresas paulistas na recuperação e recomposição do negócio e se prepararem para a retomada do crescimento. O financiamento pode ser utilizado para recomposição de estoque e compra de insumos e matéria-prima, entre outras necessidades do dia a dia da empresa.

Podem solicitar o Crédito Digital empresas paulistas devem ter faturamento anual entre R$ 360 mil e R$ 16 milhões e inscritas no Cadastro de Contribuintes do ICMS do Estado de São Paulo, por meio da Certificação Digital E-CNPJ.

As firmas aptas a solicitarem o financiamento devem preencher um cadastro na página da Desenvolve SP e anexar os documentos solicitados. Na plataforma elas recebem de forma online uma simulação do financiamento, com valor, prazo, encargos e as prestações mensais. Após a concordância com a negociação, o contrato é gerado e disponibilizado no sistema. Na mesma operação os empresários ainda podem contratar fundos garantidores para compor as garantias exigidas, facilitando ainda mais o acesso.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Geral
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos