Sex - 20/07
29º 16º 15:26
Guaíra - SP

Guaíra está na 16ª posição do ranking de acesso a saneamento básico

Apenas 51 municípios de pequenos e médio porte (até 100 mil habitantes) do país alcançaram a classificaçãorumo à universalização”. Somente 4 cidades do Brasil chegaram à universalização

Cidade
Guaíra, 15 de junho de 2018 - 10h21

 

 

 

 

 

 

 

Guaíra foi classificada em 16ª posição entre as cidades de até 100 mil habitantes do Brasil, na categoria “rumo à universalização”, do acesso aos serviços de saneamento básico. É o que aponta pesquisa divulgada pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES).

O ranking avaliou nesta edição 1.894 municípios de todas as regiões do país, o que corresponde a 34% do total e 67% da população. O levantamento reuniu os últimos dados disponibilizados pelo Sistema Nacional de Informações de Saneamento, do Ministério das Cidades e apresenta o percentual com acesso aos serviços de abastecimento de água, coleta de esgoto, tratamento de esgoto, coleta de resíduos sólidos e o quanto desses resíduos recebem destinação adequada.

Os municípios foram divididos em 4 categorias, segundo a pontuação: rumo à universalização (80), compromisso com a universalização (201), empenho para a universalização (1342) e primeiros passos (271).

Entre as cidades da região, Guaíra perde apenas para Colina, que está na 11ª posição do ranking. Orlândia e Ipuã, que também foram classificadas, estão em posições abaixo do município guairense.

Segundo a ABES, a análise dos dados de saneamento e de saúde mostram ainda que quanto maior o acesso aos serviços de água e esgoto, menor a incidência de internações por doenças relacionadas ao saneamento ambiental inadequado.

Guaíra, por meio do DEAGUA, inaugurado em 1968, iniciou o tratamento de água e esgoto e, na década de 70 construiu a Lagoa do Fogão, a primeira de estabilização. Nesses últimos 50 anos, todas as administrações públicas têm tido a preocupação permanente de oferecer um serviço de qualidade à comunidade.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos