Sáb - 17/11
31º 22º 08:31
Guaíra - SP

Para Dr. Cecílio, Pronto Socorro no prédio da UPA trará mais despesas

Para o vereador, custos com o local poderão chegar a aproximadamente R$ 8 milhões ao ano. Após tentar outras opções com o Ministério da Saúde, sem sucesso, prefeitura confirmou a implantação do PS até o próximo mês de julho

Cidade
Guaíra, 5 de Maio de 2018 - 09h51

 

 

 

 

 

As discussões sobre a finalidade para o prédio da Unidade de Pronto Atendimento, localizado no bairro Campos Elíseos, continuam acaloradas. Se por um lado, alguns vereadores querem que o prefeito José Eduardo implante a UPA 24h com urgência, do outro, o parlamentar e médico Dr. Cecílio José Prates demonstra, pelos seus anos de experiência no setor, que não será viável para o município levar o Pronto Socorro para o imóvel.

De acordo com o profissional da medicina, se o governo decidir mesmo por redirecionar o PS para aquele local, haverá mais gastos para os cofres públicos. “Provavelmente vão levar nosso Pronto Socorro para a UPA, que tantos vereadores querem que funcione. Só espero que eles tenham feito um estudo primeiro daquilo lá, porque se hoje gasta-se em torno de R$ 400 mil com o PS onde ele está, lá na UPA vai dobrar o custo. Está sobrando dinheiro?”, questiona Dr. Cecílio.

O médico pede um pouco de cautela antes que a prefeitura faça a mudança. “Aquilo lá vai funcionar? acho melhor fazer uma reunião com as pessoas envolvidas com saúde antes de fazer a bobagem mais uma vez. Já que, uma vez mudado, depois não tem jeito de voltar para trás. Aquilo lá vai custar algo em torno de R$ 8 milhões/ano para o município”, apresenta o vereador.

PRONTO SOCORRO

Ao Jornal O Guaíra, o departamento de comunicação da prefeitura confirmou que o prefeito José Eduardo mudará o Pronto Socorro Municipal para o prédio onde seria a UPA e que pretende fazer isso até o próximo mês de julho.

Entretanto, essa também não era a principal escolha do Chefe do Executivo, já que, por saber dos custos e da inviabilidade à Santa Casa – que perderia os repasses municipais – e também do endereço – que ficará mais longe das internações da Santa Casa de Guaíra – ele tentou outras opções com o Ministério da Saúde antes de confirmar o redirecionamento do PS. José Eduardo apresentou a implantação de uma Unidade Básica de Saúde, que atenderia os moradores do centro; ou uma policlínica para mulheres e crianças, que centralizaria e melhoraria as consultas para este determinado público.

Todavia, como a construção do prédio foi financiada pelo Governo Federal – pelo montante de R$ 2,3 milhões –, o Ministério da Saúde não autorizou a utilização do imóvel para outras finalidades que não seja uma Unidade de Pronto Atendimento ou algo semelhante. Assim, a prefeitura optou pelo Pronto Socorro para que o espaço não fique inativo.

Segundo o Executivo, José Eduardo tentou, inclusive, devolver os R$ 2 milhões ao Governo Federal, para que o município ficasse com o imóvel para utilizá-lo da maneira que fosse necessária; o que também não foi aceito pelo Ministério da Saúde.

A UPA em Guaíra

Localizada na Avenida Antônio Fischer, esquina com a Rua 30 do Bairro Campos Elíseos, a Unidade de Pronto Atendimento foi inaugurada no dia 28 de dezembro de 2016, ainda na gestão de Sérgio de Mello, após três anos em obra; um projeto de R$ 2,3 milhões, financiados pelo governo federal, mais R$ 600 mil de contrapartida e equipamentos arcados pela prefeitura. Apesar de todo este dinheiro gasto na construção e com os materiais, o prédio não recebeu o alvará de licença de funcionamento, pois não estava adequado com as exigências, além de apresentar diversas falhas em sua estrutura.

Agora, o objetivo da unidade será receber  o Pronto Socorro, com maior eficiência aos pacientes. Atualmente, o atendimento de urgência e emergência na saúde pública é praticamente todo pago com recursos do orçamento do município.

A população espera que a atual administração consiga realizar os reparos sem onerar mais os cofres públicos para receber um atendimento de emergência de qualidade.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos