Qua - 19/09
31º 18º 17:42
Guaíra - SP

Vereador esclarece sobre conquista de R$ 1 milhão para recapeamento

Moacir João Gregório afirma que recurso havia sido solicitado por ele, junto ao Governo do Estado, desde setembro de 2017

Cidade
Guaíra, 12 de junho de 2018 - 11h12

O vereador Moacir João Gregório durante reunião com o Assessor do Vice-Governador Dr. Marco Aurélio Ubiali

 

 

 

 

 

 

 

A conquista de R$ 1 milhão em recursos junto ao Governo do Estado para o recapeamento de ruas e avenidas da cidade tem gerado polêmica. O motivo é que o parlamentar Moacir João Gregório afirma que desde setembro de 2017 vem trabalhando junto ao Governo do Estado para conquistar este recurso para Guaíra.

O trabalho vem sendo realizado quando Márcio França, que pertence ao mesmo partido político do vereador (PSB), era Vice-Governador do Estado. Na época, Moacir apresentou um ofício assinado pelo prefeito José Eduardo Coscrato Lelis, em 26 de setembro de 2017, solicitando os recursos para o município. O documento foi protocolado pelo Assessor Especial Dr. Marco Aurélio Ubiali. Foi, inclusive, entregue um mapa fornecido pela prefeitura, com todos os locais da cidade que necessitam de recapeamento.

Por várias vezes, Gregório citou que estava trabalhando para conquistar este recurso. Ele ainda disse que, durante sua luta pela verba, não houve manifestações por parte da atual administração. “Desde o começo eu sempre falei durante as sessões da Câmara sobre meu trabalho junto ao Estado. Não ouvi ninguém falar que também estava trabalhando neste sentido. Agora que a verba será liberada, estão tentando tirar os méritos do meu trabalho. Isto eu não vou aceitar”, destacou.

O montante, no valor de R$ 1 milhão, segundo informou Moacir Gregório, é referente aos valores já solicitados por ele em setembro do ano passado. “Eu trabalho, corro atrás e depois vem a atual administração e diz que foram eles que conquistaram. Não é correto, é errado!”, frisou.

O vereador ressaltou que a conquista deste recurso não teve ação de nenhum deputado. Moacir destacou o trabalho do Dr. Ubiali, que sempre lhe atendeu durante suas audiências no Palácio dos Bandeirantes, e se comprometeu a mobilizar ações para que as solicitações fossem liberadas para o município.

Ofício protocolado no Governo do Estado em 27 de setembro de 2017

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A UNIVESP

Gregório relembrou o processo para instalação da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (UNIVESP). Segundo ele, a atual administração tinha conhecimento dos prazos para aderir ao programa, mas não encaminhou documentações. Em viagem a São Paulo, durante uma audiência no Palácio dos Bandeirantes, ele obteve informações que o prazo de adesão estava esgotando e buscou junto ao Estado e conseguiu a liberação de três cursos.

Hoje a universidade está a funcionando em uma sala da escola Vera Vitali. “Se eu não tivesse trabalhado junto ao Governo estadual para conquistar a UNIVESP, talvez a administração municipal estaria esperando sentada até hoje. É a mesma situação do recurso de R$ 1 milhão. Eu corri atrás, fui a São Paulo, protocolei ofícios, fiz reuniões e agora estão tentando tirar meus méritos nesta conquista. Mas, o povo conhece meu trabalho”, finalizou Moacir.


TAGS:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OUTRAS NOTÍCIAS EM Cidade
Ver mais >
Acompanhe nossas atualizações. Siga-nos